Mobly Inaugura Outlet em Jundiaí

Mobly Inaugura Outlet em Jundiaí
Mobly Inaugura Outlet em Jundiaí
Compartilhe:

A Mobly inaugurou um novo outet em Jundiaí, no interior de SP. Segunda a empresa, a região de Jundiaí representa a nona maior cidade em faturamento para a rede. A construção de um novo espaço está alinhada à estratégia da companhia de melhorar a experiência do consumidor.

A Mobly, empresa líder nacional no segmento de home & living, avança em seu plano de expansão e inaugura mais uma loja na Grande São Paulo, desta vez em Jundiaí. Com o lançamento, marcado para o dia 31 de julho, os clientes da região terão acesso a ofertas exclusivas e condições especiais.

O novo outlet conta com uma área total de 2.400 m2, dos quais 1.200 m2 de exposição de produtos. A loja espera a visita de, em média, 15 mil consumidores por mês, que contarão com mais de 800 produtos, entre móveis, itens de decoração, utilidades domésticas, cama, mesa e banho. 

Além disso, com o intuito de melhorar ainda mais a experiência de compra e promover os conceitos de multicanalidade no atendimento, a marca apresenta alguns diferenciais: prateleira “infinita”, com 100% dos produtos do site disponíveis para compra, Wi-Fi grátis, etiquetas QR Code para consulta de informações dos produtos, avaliações, produtos similares, preço e uma entrega super-rápida: são mais de 2 mil produtos com envio imediato. 

Todos os vendedores possuem tablets, para realizar o atendimento com toda a tecnologia do site Mobly na palma da mão e facilitar a escolha do cliente. Outro ponto de destaque são os itens selecionados: por meio de análise de negócios, foram escolhidos os móveis mais procurados pelo público local.

No espaço, também será possível encontrar ambientes inspiracionais que vão seguir algumas temáticas e tendências e, com isso, auxiliar os clientes na hora de compor o seu ambiente em casa.

“Além de a região ser importante para nossa estratégia de expansão, Jundiaí está entre as dez cidades mais representativas do público que consome e gosta de nossos produtos, e fica em uma importante rota entre a Grande São Paulo e o interior. Nossos estudos também mostram que Jundiaí representa a nona maior cidade em faturamento para a rede”, afirma Victor Noda, cofundador da Mobly. 

O executivo também reforça que, entre as estratégias dessa expansão, também está o constante processo de inovação da marca. “Nosso plano de desenvolvimento visa um modelo de multicanalidade, que une lojas físicas ao ambiente on-line, com o objetivo de melhorar cada vez mais a experiência de compra de nossos clientes, que contarão com o maior portfólio do mercado, de 200 mil produtos disponíveis”, conclui Noda.

Como medida de proteção e combate ao novo coronavírus, a inauguração e o atendimento seguirão todos os protocolos de higiene recomendados e já implementados em todas as lojas da empresa. 

A nova loja está localizada na Rua Cica, 201, Vila Angélica – Jundiaí, SP. O horário de funcionamento é de segunda a sábado, das 10h às 21h (enquanto durar a restrição de horários); domingos e feriados, das 12h às 20h.

Sobre a Mobly

A Mobly é líder nacional no segmento de home & living. Fundada em 2011, conta com uma gama de mais de 200 mil artigos, entre móveis e objetos de decoração. Em 2020, a empresa, que é líder no segmento, registrou receita de R$ 603,1 milhões. Já em 2021, vinda de um ano de crescimento exponencial, a Mobly estreou na B3 com um portfólio composto por 11 lojas físicas (entre megastores, outlets e lojas compactas) e três centros de distribuição, em Minas Gerais, Santa Catarina e Pernambuco. Saiba mais em www.mobly.com.br.

Conheça a História da Mobly

Conheça a estratégia por trás do sucesso da loja de móveis e decoração

Estudantes que se juntam para empreender pode até parecer comum hoje em dia. Mas em 2011, isso ainda era sinônimo de risco e, no caso da Mobly, a ousadia foi ainda maior: montar um e-commerce de móveis, algo que nem as grandes varejistas abraçavam, afinal, quem compraria um sofá sem antes sentar nele ou um guarda-roupa sem saber que a cor real da madeira era aquela?

A empresa nasceu da ideia de três engenheiros que buscavam uma bolsa de estudos para um MBA nos Estados Unidos: Victor Noda, Marcelo Marques e Mário Fernandes. Assim que voltou ao Brasil, o trio começou a trabalhar na proposta de uma loja online de móveis que reunisse, em um único espaço, diversos fabricantes e diferentes possibilidades para o cliente. A inspiração foi a Ikea, uma loja sueca de móveis e artigos de decoração que vende tanto por e-commerce quanto por lojas físicas.

Com o tempo e ganhando a confiança tanto de fornecedores quanto de clientes, a Mobly chegou aos R$ 300 milhões de faturamento em 2018, mesmo ano em que abriu seu capital na bolsa de Frankfurt, na Alemanha, e se fundiu com a empresa alemã Home24. A iniciativa permitiu levantar 170 milhões de euros e parte desse dinheiro foi usado pela empresa para abrir uma loja física no Brasil em 2019.

Em fevereiro de 2021, a Mobly celebrou sua oferta pública inicial (IPO) e a entrada de suas ações no segmento de Novo Mercado da B3, a bolsa brasileira, onde movimentou mais de R$ 800 milhões.

O que a Mobly faz?

A Mobly é um e-commerce de móveis e objetos de decoração que visa reunir, em um único espaço, fornecedores e clientes em busca não só de produtos como de soluções. 

Para conquistar aqueles que preferem ver o produto antes de comprar, a Mobly possui uma megastore e outras lojas físicas parceiras em São Paulo. Hoje, a empresa conta com mais de 180 mil produtos cadastrados e oferece cobertura de 100% do território nacional.

Como a Mobly inovou?

Por se tratar de um e-commerce e de um segmento muito específico, a Mobly pensou além. Em seu aplicativo para smartphone, é possível visualizar os produtos em 3D e buscar por textura e cor através de fotos e navegando pelos ambientes.

A Mobly também adotou uma solução para identificar o gosto do consumidor: um software de algoritmos de segmentação e outro de inteligência artificial. Com isso, a empresa passou a identificar melhor o que vendia mais, o que mantinha um cliente no site e o que era necessário para ele concluir determinada compra.

Para atrair fornecedores que não estavam totalmente convencidos a respeito de vender móveis online, a Mobly se colocou então como uma parceira de negócios, oferecendo a algumas fabricantes, em especial do sul do Brasil, a possibilidade de ampliar suas vendas para outras regiões do país. 

Para dar conta da logística e dos estoques que se renovavam, a empresa investiu em um centro de distribuição em Jundiaí, em São Paulo, que começou com 10 mil metros quadrados e atualmente já tem mais do que o dobro desse tamanho.

Por que a Mobly é case de sucesso?

Considerada a maior loja online de móveis do Brasil, “já são mais de 180 mil produtos cadastrados e cobertura de 100% do território nacional”.

Para proporcionar aos clientes uma melhor visualização dos espaços, em seu aplicativo para smartphone, oferece “novos recursos como produtos em 3D, busca por textura e/ou cor através de foto e navegação por ambientes”.

Logo no começo de suas atividades, a Mobly recebeu investimentos do grupo alemão Rocket Internet, que auxilia startups em fase pré-operacional.

Oferece três tipos de experiências de compra: a tradicional, com atendimento presencial; a digital, onde o cliente acessa o descritivo do produto por meio de QR Code e efetua o pagamento; e o modelo híbrido, onde, também pelo celular ou por totens espalhados nas lojas físicas, o cliente enche o carrinho, efetua o pagamento e só ao final do percurso ele retira as mercadorias. 

Como é a gestão na Mobly?

A Mobly se atenta ao atendimento e à logística. Tanto que já venceu por duas vezes o Prêmio Época Reclame Aqui, um reconhecimento através de voto popular a empresas conhecidas por prestarem um bom atendimento. Pelo E-bit, foi eleita como a “Loja Online Mais Querida de Casa e Decoração” na premiação “Prêmio E-bit Melhores do E-commerce”.

A empresa se programou durante meses para entrar no IPO e antes dessa entrada já havia planejado o que fazer com o investimento. Primeiramente, utilizar os recursos da oferta primária para fortalecimento do capital de giro. Em seguida, pensar na consolidação da estrutura financeira. Por fim, claro, investir, tanto em marketing quanto em bens de capitais. 

Victor Noda, Marcelo Marques e Mário Fernandes também investiram em uma linha de produtos próprios, onde um departamento interno faz uma busca por tendências e solicita os produtos para fábricas parceiras. Hoje, essa linha chamada de White Label, representa pelo menos 30% do faturamento.

O que a Mobly pode te ensinar?

A vencer qualquer receio que o segmento onde deseja empreender possa causar. A Mobly nasceu em uma época onde comprar móveis pela internet era algo arriscado e inviável.

A entender o seu público-alvo e atender suas necessidades da melhor forma. A empresa possui o Lar Style, um blog que traz tendências,inspirações e dicas de decoração. 

A propor novos negócios em outras frentes.

Desde 2020, a Mobly sugere aos clientes que fazem uma compra na loja virtual que vendam seus antigos móveis pelo Mobly Usados, um canal do próprio site para a revenda de itens seminovos e usados.

Nome: Mobly Comércio Varejista

Ano de fundação: 2011

Origem: Durante uma tentativa de os três CEOs em conseguirem uma bolsa para um MBA nos Estados Unidos

Valor de mercado: Não divulgado. Recentemente, com a venda de 38.647.344 de ações, a operação movimentou R$ 811.594 milhões.

CEOs: Victor Noda, Marcelo Marques e Mário Fernandes

 

Salas Comerciais e Coworking Jundiaí - Espaço Comercial Villa Medeiros
Ver
Coworking Jundiaí

Sala Coworking completa, individual, ideal para reuniões, cursos, atendimentos, audiências, etc...

Elis Salles - Jundiaí - Itupeva
A palavra que me representa bem é empreendedora, atuamente estou administrando o Espaço Comercial Villa Medeiros com Salas Comerciais e Coworking e investindo no Refúgios no Interior de SP. Algumas atividades agregam minha trajetória profissional como empresária no mercado imobiliário durante 15 anos (2005-2020), Corretora de Imóveis (Creci f-68203), Avaliadora de Imóveis (Cnai 22634), escritora, practitioner em pnl, web designer e especialista em Marketing.

Você Pode Gostar: